Finasterida original VS manipulado VS genérico

Para muitas pessoas, o cabelo bonito, arrumado e alinhado influencia diretamente na questão da autoestima.

Por isso, não é difícil vermos pessoas, especialmente mulheres, que sofrem com a queda capilar tendo problemas com a autoimagem.

Infelizmente, essa é a realidade de muitas pessoas que têm calvície.

No Brasil, de acordo com a Sociedade Brasileira de Cabelo (SBC), essa condição chega a atingir mais de 42 milhões de pessoas.

Embora seja menos falado, esse problema também pode afetar as mulheres.

Assim, de acordo com previsões da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), 30% das mulheres terão problemas relacionadas à alopecia androgenética, como também é chamada.

É muita gente, né?

Apesar de não ser uma situação fácil, a calvície tem cura.

Um dos tratamentos é o uso de Finasterida para queda de cabelo.

Por isso, se você está suspeitando que sofre desse problema, o primeiro passo é se consultar com um médico para, assim, ele te prescrever o melhor método para tratar a alopecia androgenética.

Mas será que há alguma diferença entre: Finasterida original, Finasterida genérico e Finasterida manipulado?

Finasterida funciona? Tratamento com Antes e Depois

Calvície

Embora muita gente saiba o que é a calvície, há também aquelas pessoas que não fazem a mínima ideia do porquê ela acontece e o que, de fato, a causa.

Se você faz parte desse grupo, não tem problema: estamos aqui para sanar suas dúvidas.

A alopecia androgenética, popularmente conhecida como calvície, é causada pela ação da testosterona.

Este, por sua vez, sofre a ação da enzima 5-alfa-redutase no couro cabeludo e é convertida no hormônio andrógeno di-hidrotestosterona, conhecido pela sigla DHT.

Ao passar por essa conversão, os fios sofrem o processo de miniaturização que consiste no encurtamento, afinamento e clareamento dos mesmos.

Depois disso, o fio não consegue nascer novamente, pois o folículo piloso não se regenera.

Dessa forma, o problema da calvície começa.

Os homens são mais acometidos por essa condição justamente por ela ser motivada pelos níveis de testosterona visto que esse hormônio está mais presente, em questão de quantidade, no organismo masculino.

Tratamento para queda de cabelo

Assim como a calvície, outros fatores podem ser determinantes para a queda capilar.

Alguns deles são: excesso de vitaminas, uso de alguns medicamentos, viver sob frequente estresse e ansiedade.

Além desses, alterações hormonais, anemia e consequências do coronavírus também podem gerar o quadro de queda de cabelo.

Por isso, se você está notando que os fios estão caindo mais que o normal, procure um profissional especializado (dermatologista) para que ele possa diagnosticar e indicar o melhor tratamento para o caso.

Alguns métodos de cura da alopecia androgenética são:

  • Uso de medicamentos
  • Uso de cremes
  • Laser e eletroestimulação
  • Transplante de cabelo
  • Uso de perucas

Finasterida para queda de cabelo

Finasterida de 1mg, 2mg ou 5mg, qual usar?

Como citamos anteriormente, a Finasterida é um medicamento utilizado para tratar o problema da queda capilar proporcionada pela calvície.

Tal substância funciona para inibir a produção da enzima 5-alfa-redutase que fica no couro cabeludo.

Isso significa que o medicamento evita que a testosterona seja transformada em di-hidrotestosterona (DHT).

Assim, os níveis deste hormônio, pois não é produzido na mesma quantidade e, consequentemente, não gera o enfraquecimento dos fios e nem a perda deles.

Atualmente, esse medicamento pode ser encontrado nos formatos original, genérico e manipulado.

Finasterida original

No caso da Finasterida original, algumas marcas são mais famosas do que outras. As principais são:

  • Proscar: é mais recomendada para casos de hiperplasia prostática benigna (HPB) e tal medicamento é fabricado pelo laboratório Merck
  • Propecia: também é produzida pelo laboratório Merck e é uma das Finasterida orginal mais usada para tratamento da calvície proporcionando o aumento capilar e prevenindo a queda do cabelo adicional
  • Finalop: fabricada pelo laboratório europeu Genéris, a Finasterida Original Finalop é comercializada no Brasil
  • Finastil: produzida pelo laboratório Sigma Pharma e recomendada para casos de hiperplasia prostática benigna (HPB)
  • Fendical: uma das marcas mais baratas de Finasterida Original, a Fendical é fabricada pelo laboratório Ucifarma

Finasterida genérico

Muita gente se pergunta qual a diferença entre a Finasterida original para a Finasterida genérico.

Assim como em outros medicamentos, a fórmula do genérico é a mesma do original, ou seja, é o mesmo princípio ativo, concentração e ação no organismo.

Sendo assim, a diferença acontece na embalagem já que na do remédio genérico não pode conter a marca.

Por isso, geralmente, esse tipo de medicamento sai bem mais em conta que o original.

No caso da Finasterida genérico para tratar a calvície (de 1 mg), alguns laboratórios que fabricam são:

  • Cimed
  • União Química
  • Nova química
  • Legrand
  • Germed Pharma
  • Merck
  • SEM

Finasterida manipulado

Para tratar a queda de cabelo fruto da calvície, alguns médicos dermatologistas preferem prescrever a Finasterida manipulado.

Eficiente, esse medicamento nesse formato é capaz de reduzir em 70% a 80% os níveis de di-hidrotestosterona (DHT) no couro cabeludo.

Qual a melhor Finasterida para queda de cabelo?

Diante do exposto até agora, é possível dizer que não há nenhuma diferença entre a Finasterida original e a Finasterida genérico, pois ambas funcionam da mesma forma e se mostram eficientes para a queda de cabelo.

No mais, o medicamento Finasterida manipulado também se mostra eficaz para tratar a alopecia androgenética.

Sendo assim, o ideal é que você converse com o médico que te acompanha e veja qual melhor das três opções é mais válida para o seu caso.

Finasterida genérico ou original (Propecia)?

E aí, gostou do nosso artigo?

Já usou Finasterida para queda de cabelo?

Escreva sua pergunta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.